15 de outubro de 2014

Domingo foi dia das Crianças. Eu tenho duas aqui em casa e uma delas é a pequena Manu de 3 anos, super vaidosa como muitas de vocês já sabem.

Hoje em dia, diante de tanta novidade e informação, muitas questões são levantadas sobre o que pode e o que não pode, sobre a idade certa para se usar isso ou aquilo. Com cosméticos não é diferente. Muitas pessoas tem dúvidas principalmente a partir de que idade as pequenas podem usar esmalte e maquiagem.

Vou colocar nesse post o meu ponto de vista diante do assunto levando em consideração o que eu sei, o que eu já li e o que eu já ouvi de alguns profissionais. Porque acho que todas as nossas decisões devem ser tomadas sempre com base no maior número de informações possíveis.

maquiagens_esmaltes_infantis

 

Eu como mãe fico boba quando ela quer passar batom, “maquiagi” ou esmalte. Mas evito deixar que ela use sempre.

Primeiro porque ninguém nasce com alergia aos componentes desses produtos. Alergias são desenvolvidas com o tempo e conforme o uso. Os pequenos estão mais propensos a ter reações alérgicas porque tem o organismo mais frágil, a pele mais sensível e lembrem-se: alergia não tem cura, tem controle.

A Manu tem um kit de maquiagem infantil que eu trouxe da Beauty Fair pra ela e alguns batons também infantis. Mas eu não deixo ela brincar e usar quando quer, só de vez em quando e mesmo assim normalmente próximo a hora do banho… porque dessa forma ela se pinta toda (toda mesmo rs), fica uns minutos com aquilo e logo eu tiro no banho.

Em ocasiões especiais como casamento, Natal ou aniversário eu mesma passo um pouco de batom e um tico de sombra rosinha nela (maquiagem minha, preferencialmente nova e de marcas boas). Até o final do ‘evento’ ela nem tem mais nada no rosto… mas vale pela alegria dela de chegar e todo mundo comentar que ela está de maquiagem.

 

crianca_pode_usar_esmalte_01

 

Com os esmaltes é bem parecido. Ela tem esmaltes infantis mas esses normalmente saem muito fácil (nem de água precisam porque eles ficam tipo uma cola plástica na unha) e mesmo sendo infantis, para mim o cheiro deles é forte – mas vale ressaltar que são a base de água e são mais aconselháveis que os esmaltes normais. Esses ela usa de vez em quando, em casa e como a maquiagem ‘de brincar’ saem logo das unhas.

Agora de vez em quando (uma vez por mês ou até menos) cedo aos pedidos dela e passo esmaltes meus nela. Mas sempre procuro usar uma camada bem fina de um esmalte 3 free e mesmo assim deixo ela por no máximo 1 ou dois dias. Na hora de remover, apenas produtos livres de acetona.

 

crianca_pode_usar_esmalte_02

 

Eu como  mãe, acho que pouca coisa realmente não pode – temos que ensiná-los que tudo na vida deve ser moderado. Com maquiagem não pode ser diferente, temos que mostrar pra elas que a vaidade deve ser uma coisa natural e não obsessiva. Tudo bem sair de casa sem esmalte ou sem batom.

Como eu falei, os produtos indicados para o uso infantil são os mais recomendados. Fique atenta a data de validade e surgindo qualquer tipo de irritação suspenda o uso e consulte um médico.

O que vocês acham sobre o assunto? Quero saber a opinião de vocês!

 

Assinatura

 

Compartilhe com os amigos:

  • #Dúvidas : Como evitar as bolinhas no esmalte!?
  • #Dúvidas : Posso usar Super Bonder na unha ou misturado no esmalte?
  • Como combinar a cor do esmalte com a roupa